Vox Populi: Dilma e tucano juntos na margem de erro

A pesquisa Vox Populi/Band divulgada neste sábado, 3, ainda mantém o pré-candidato do PSDB, José Serra, na liderança provisória pela corrida à sucessão do presidente Lula.

Dilma Rousseff, do PT, volta a crescer e reduz a diferença para apenas três pontos percentuais.

O ex-governador de SP aparece com 34% das intenções de voto, mesmo percentual de janeiro.

A ex-ministra subiu quatro pontos percentuais e segue na segunda posição, com 31%.

A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais, para mais ou para menos.

Como todo mundo mais bem informado pela blogosfera independente já esperava, os novos dados deram um tremendo chabú na pesquisa anterior, do instituto Datafolha – ligado ao jornal Folha de São Paulo.

Ficou claro e cristalino que aqueles resultados foram grosseiramente manipulados para favorecer o candidato tucano, mais estagnado do que nunca dentro do que parece ser o seu “teto” eleitoral.

Um comentário em “Vox Populi: Dilma e tucano juntos na margem de erro

  • 4 de abril de 2010 em 11:12
    Permalink

    Olá,
    essa pesquisa mostra que os dois candidatos deram partida na corrida presidencial com o mesmo percentual de favoritismo, SÓ QUE o Serra parte do teto (do limite máximo) e a Dilma parte do piso (do limite mínimo).

    Desse jeito, a Dilma seria eleita no primeiro turno com muita folga, o que seria muito bom para a nossa atual Nação.
    Um segundo turno custaria muito caro ao país em termos financeiros, psicológicos e evitaria a baixaria de todo segundo turno, ainda mais nesse pois as forças de ultra-direita andam mordendo as “próprias sombras”. Seria muita baixaria pros nossos corações.

    Num possível segundo turno as elites neo-liberais, conservadoras de ancestrais privilégios exclusivistas, predatórios, anti-sociais e servis aos “magnatas/vampiros” multinacionais se uniriam ao que tem de pior no submundo da geopolítica/geoeconomia e colocariam para funcionar a máquina de moer carne e assassinar reputações.

    O deu$-demônio-mercado dessa turma de agiotas iria arder em chamas de ódio e medo. Ele sabe que o neo-liberalismo está no fim.

    Isso seria algo repugnante de assistir: o desfile dos fantasmas do último “baile da Ilha Fiscal”…

    A Dilma vencendo no primeiro turno, tudo continua calmo como agora e ela sai com um belo cacife político para dar continuidade e ampliar as políticas sociais, econômicas, etc, etc do atual governo Lula.

    Chega de pacotes econômicos absurdos, privatizações lesa-pátria, deseducação e alienação do povo somados a outros atos de alta traição e sabotagem!

    Precisamos da verdadeira Integração Nacional em todos os níveis e tenho certeza que a Dilma eleita teria todos os elementos para implementar esse processo.

    Abração e parabéns pelo blog.

    C. Antônio

    Resposta

Deixe um comentário interessante neste artigo: