Terra em transe – novo terremoto, agora em Mianmar

Tremor de terra na Ásia

NATUREZA NÃO DÁ TRÉGUA

Subiu para 74 o número de mortes causadas por um forte terremoto de 6,8 graus de magnitude que atingiu Mianmar — antiga Birmânia. O tremor também foi sentido no Vietnã e na Tailândia, onde uma vítima fatal foi registrada.

De acordo com a rádio estatal de Mianmar, o terremoto deixou 111 feridos e destruiu 390 casas. As áreas mais afetadas são aldeias da região nordeste de Mianmar, localizadas em uma zona que faz fronteira com a Tailândia.

Uma das vítimas morreu na província tailandesa de Chiang Rai após a parede de sua casa desmoronar enquanto ela dormia.

O forte abalo também causou um blecaute temporário na cidade fronteiriça tailandesa de Mae Sai. Alguns turistas deixaram seus hotéis e passaram a noite na rua, com medo de novos terremotos.

Segundo o Serviço Geológico dos Estados Unidos, que mede a atividade sísmica mundial, o epicentro foi localizado a dez quilômetros de profundidade e 82 quilômetros ao norte de Chiang Mai, a segunda maior cidade da Tailândia e um dos principais destinos turísticos.

Onde fica Mianmar

O tremor ocorreu às 20h55 da hora local (10h55 de Brasília), 589 quilômetros ao nordeste da antiga capital birmanesa, Yangun, e 772 quilômetros ao norte de Bangcoc.

A remota, montanhosa e pouco habitada região faz parte do chamado Triângulo de Ouro do tráfico de drogas, onde convergem as fronteiras de Mianmar, Laos e Tailândia.

Um dos mais pobres países da Ásia, Mianmar tem sistemas falhos de infraestrutura e comunicações. A junta militar que governa o país mantém forte controle sobre todo tipo de informação.

Em 2008, quando um forte ciclone deixou 130 mil mortos em Mianmar, a junta militar foi duramente criticada por ter atuado de forma lenta para ajudar as vítimas do desastre.

Daqui

Deixe um comentário interessante neste artigo: