Mudanças no Facebook: saem os miguxos e entram os coroas

TROCA-TROCA DE PÚBLICO NA REDE SOCIAL

Filhos fogem da rede social

Nos últimos tempos presencia-se o encerramento de muitas contas de pessoas “mais velhas” no Twitter e, na contramão, a chegada barulhenta do público “mais jovem”.

Agora, a tendência foi captada pelo Pew Research Center num relatório em que confirma a dimuição do entusiasmo dos adolescentes com relação à rede social Facebook.

Embora os adolescentes ainda compartilhem muitas informações sobre si nas mídias sociais, é cada vez mais comum entre eles a troca do Face pelo microblog.

Esta mudança é uma forma de evitar a vigilância dos pais e o oversharing – compartilhamento excessivo de detalhes das vidas pessoais dos usuários da plataforma.

O estudo aponta que o uso das mídias sociais cresce rapidamente entre esse público, porém, quando se refere ao Facebook, os usuários relatam insatisfação com o excesso de “drama”, estresse e, principalmente, a xeretice dos pais.

De acordo com o relatório, os jovens rejeitam o crescente número de adultos na rede social, se irritam quando seus miguxos compartilham detalhes fúteis e são drenados pelo drama que descrevem como “bastante frequente” no site.

O estresse com a necessidade de gerir sua reputação no Facebook também estaria contribuindo para a queda no entusiasmo da rapaziada.

Segundo o PRC, 70% dos adolescentes dizem ser amigos de seus pais na rede social. Quando se trata de membros da família, o índice de amizade fica em 91%.

Ultimamente, a faixa etária mais alta tem sido responsável pelo maior crescimento no Facebook. Todo bom observador nota que a rede se transforma cada vez mais num ambiente predominantemente dominado por adultos e coroas.

Deixe um comentário simpático neste artigo: