Meteorito que caiu na Rússia é um condrito muito comum

NENHUM ET A BORDO DA PEDRADA CÓSMICA

Meteoro que caiu na Rússia

Do blog ECOnsciência

Nem ouro, nem diamantes e muito menos qualquer traço sobre a existência de algum organismo alienígena foram encontrados nos fragmentos do meteorito que caiu provocando uma grande explosão na Rússia.

Na realidade trata-se de um condrito muito manjado nessas ocorrências. Ou seja, é uma formação rochosa que ocorre em 86,2% das quedas testemunhadas de corpos celestes — como esta da foto, que aterrissou na África.

O mineral é tão comum que atualmente existem mais de 27 mil condritos espalhados em coleções pelo mundo. A maior pedra já encontrada pesa 1.770 kg e foi parte da chuva de meteoros de Jilin, na China, em 1976.

Com o anúncio, os cientistas russos refutam alguns rumores não científicos que têm aparecido na Internet. Em particular o fato que, juntamente com o meteorito, chegou à Terra uma nova forma de vida, como bactérias ou vírus.

É impossível, garantem especialistas. Fragmentos encontrados confirmaram que no meteorito de Chelyabinsk todos os compostos dos minerais são muito estáveis e não contêm elementos orgânicos. Todo o resto é conversa fiada.

Deixe um comentário interessante neste artigo: