Lápis e canetas viram atiradeiras de bolinhas de papel

Lápis Estilingue

PARA MIRAR NA CARECA DO JOSÉ SERRA

A Cachaça da Happy Hour

Imagina só a crise que não devem estar vivendo os fabricantes de certos apetrechos escolares e de escritórios, como lápis, lapiseiras e canetas, não apenas com a concorrência da porcariada “xing-ling” made in china como com o tsunami tecnológico que transformou a tradicional arte da escrita manual num frenético jogo de dedadas sobre teclas e telas de gadgets sensíveis ao toque.

lapiseira Bodoque

Daí que não restou outra alternativa que não fosse encontrar alguma nova função para os antigos instrumentos escrevinhadores, como transformá-los em mimosos bodoques, estilingues e catapultas. Sim, que outra utilidade terão no futuro próximo que não a de atiradeiras de bolotinhas de papel? E, em último caso, ainda servirão para escrever… só para não esquecer como era antigamente.

Caneta lançadora de bolas de papel

Pista seguida a partir do NoPuedoCreerprodutos à venda, pelo equivalente a 10 reais, em PerpetualKid e BrandNewGadget.

Deixe um comentário simpático neste artigo: