Escultura em caroço de azeitona de um barco cheio de gente

FANTÁSTICA ARTE MICROSCÓPICA CHINESA

Arte da miniatura chinesa

Ao longo dos séculos, os artistas e artesãos chineses impressionam por sua capacidade de criar desde obras arquitetônicas grandiosas até as de tamanho microscópico. É o caso deste caroço de azeitona.

Em termos de dificuldade, a construção da nano-escultura é comparada à da Grande Muralha da China, com 2.500 km de extensão e que levou 2.000 anos para ser concluída – do século 3 a.C. até 1700 d.C.

Extremamente complexa, a miniatura de 34 x 17 mm foi esculpida por Ch’en Tsu-chang, no ano de 1737, após o reinado do imperador Yung-cheng e antes que as lentes de aumento chegassem ao Oriente.

Arte da miniatura chinesa

Inspirado pelo poeta Su Tung-p’o, o escultor entalhou no caroço de azeitona um barco com janelas e portas articuladas, além de oito figuras sentadas em seu interior, representando o poeta e seus amigos.

O casco externo não fica atrás: nele estão gravados mais de 300 personagens de um poema que descreve como o poeta gostava de passeios de barco com amigos sob o céu iluminado pela lua cheia.

Arte da miniatura chinesa

Arte da miniatura chinesa

Arte da miniatura chinesa

Clique nas imagens para ampliar

Deixe um comentário interessante neste artigo: