Donos da Globo são a 2ª família mais rica do mundo no ramo da mídia

O PODER ABSOLUTO DOS 3 IRMÃOS MARINHO

Donos da Globo

É incrível a submissão dos veículos da velha mídia às organizações Globo, como se fôssemos uma Coreia do Norte de direita, cujos ditadores fossem a família Marinho.

Fora da blogosfera progressista, ninguém teve peito de dar a publicidade necessária a uma notícia obviamente importante para se entender a economia brasileira.

A Bloomberg, uma das maiores agências internacionais de notícias econômicas, divulgou o seu ranking dos maiores ricaços do mundo. Os dados são assustadores.

No setor de mídia, os três irmãos Marinho figuram entre as 10 maiores fortunas do planeta. Somados, eles têm US$ 25 bilhões. Em reais, isso daria mais de R$ 57 bilhões.

Somando o tesouro dos três, ocupam o segundo lugar no ranking mundial, atrás apenas de David Thomson, sócio-majoritário da poderosa agência Reuters.

MAIS GRANA QUE MURDOCH

Para se ter uma ideia, a fortuna dos Marinho, somada, é mais que duas vezes maior que a de Rupert Murdoch, o temido magnata da mídia norte-americana, dono da Fox.

Significa, também, o triplo da riqueza de Silvio Berlusconi, que usa o seu poder obsceno para governar a Itália por quase vinte anos seguidos.

A fortuna dos Marinho é originada, primariamente, dos aportes ilegais que recebeu da norte-americana Time Life, a partir de 1962, e do apoio que prestou ao golpe de Estado de 64.

O regime militar concedeu grandes vantagens à Globo, permitindo-lhe acumular um patrimônio tão grande, ao mesmo tempo em que piorava indecentemente a distribuição de renda no país.

Durante a redemocratização, o poderio da Globo serviu-lhe para que nenhum regulamento fosse criado para estorvar-lhe o contínuo inchaço. Mesmo assim, a Globo passou pela maior crise de sua história em 2002.

Uma notinha biográfica sobre João Roberto Marinho, o mais velho dos irmãos, diz que ele “tirou a Globo do maior calote corporativo da história brasileira. “Led Globo out of the biggest corporate default in Brazil’s history”.

UMA AMEAÇA À DEMOCRACIA

Surfando sobre a onda do “mensalão” e sonegando impostos, a Globo conseguiu dar a volta por cima. Assim, os números da Bloomberg deveriam servir para ligar o alerta vermelho em todos os brasileiros que defendem a democracia.

É óbvio que o regime democrático é ameaçado pela mera existência de uma família que reúne, ao mesmo tempo, a maior fortuna e o maior conglomerado de mídia do País.

Segundo a Bloomberg, os três sócios controlam quase metade do mercado de televisão no país (numa referência ao faturamento com publicidade).

O que se torna ainda mais evidente considerando-se a longa tradição de ataques à democracia através da manipulação de notícias.

Por Miguel do Rosário

Um comentário em “Donos da Globo são a 2ª família mais rica do mundo no ramo da mídia

Deixe um comentário simpático neste artigo: