As tragédias que a revista Veja planta em sua cabeça

A HISTÓRIA SE REPETE

Por Evaldo Novelini, em seu blog

Cuidado, eleitor.

O pensador e revolucionário Karl Heinrich Marx (1818-1883) já alertava em 1852. Em seu livro O 18 de Brumário de Luís Bonaparte, escreveu:

– A história acontece como tragédia e se repete como farsa.

Não sei por que ocorreu-me esta célebre frase ao ver a mais recente capa da revista Veja. Talvez porque tenha me lembrado de algumas outras.

A praga, veiculada em 12 de agosto de 1987:

O inseticida, apresentado em 23 de março de 1988:

O símbolo do Brasil chorando, na edição de 14 de abril de 2010:

O suposto salvador do Brasil sorrindo, na edição de 21 de abril de 2010:

Também sugiro a leitura do Post proibido para quem tem mais de 30 anos, uma demolidora análise do Luiz Carlos Azenha, onde também achei a indicação para esta sequência de imagens que o Novelini resgatou.

3 comentários em “As tragédias que a revista Veja planta em sua cabeça

  • 20 de abril de 2010 em 23:28
    Permalink

    concordo em genero numero e grau com o prezado iguatemi principalmente quanto a coluna e a degeneracao da especie

    assim falou zaratustra

    Resposta
  • 20 de abril de 2010 em 22:41
    Permalink

    Deixei de ler esta revista quando um pouco mais do que uma criança. Quem se digna a perder o tempo em sua leitura é bastante provavel que tenha pouca capacidade critica consciente filtrante e é ha muito votante no que esse cabresto moderno dita. E digo mais sua leitura faz mal pra coluna e degenera a espécie.

    Resposta
  • 19 de abril de 2010 em 12:51
    Permalink

    O jogo é mesmo muito, muito, muito sujo e cabe à blogosfera do BEM ajudar os ‘inocentes úteis’ a não caírem nessas armadilhas. Fiquem todos atentos portanto.

    Vamos pegar então outra pequena amostra do jornalismo de esgoto da revista ‘Veja’, planfleto de direita que circula semanalmente nas bancas do país?

    Confira como a mesma revista que insuflou a candidatura Collor, foi dócil com FHC, tentou emplacar Alckmin e, agora, parte com tudo com Serra:

    http://mandatocoletivo.wordpress.com/2010/04/17/de-collor-a-serra-o-panfleto-veja-sempre-abracado-a-direita/

    Resposta

Deixe um comentário simpático neste artigo: