Luminária de parede feita com tábua queimada e metal reciclado

MADEIRA DE DEMOLIÇÃO COM ALUMÍNIO DERRETIDO – Escultura com metal despejado nas rachaduras de tábua queimada. O objeto representa a linha que separa a matéria da luz projetada, evocando, assim, uma paisagem ou cenário metafísico no qual a luminosidade aumenta e diminui todos os dias além do horizonte.

Ler mais

Vasos decorativos de cerâmica folheados a pewter artisticamente

UM TOQUE DE CLASSE NA DECORAÇÃO DA SUA CASA – Esta é uma das técnicas mais eficientes que existem para valorizar peças de cerâmica: a folheação artística a pewter. Após a aplicação das finas lâminas metálicas, os vasos são laqueados para aumentar a sensação de profundidade das cores, tons e nuances da superfície.

Ler mais

Mesa e banco de madeira reciclada com incrustação de pewter

RACHADURAS PREENCHIDAS COM METAL DERRETIDO – Pedaços de troncos antigos achados em pântanos da Inglaterra formam a base estrutural desta série de móveis com função de bancos ou mesinhas de canto. No processo de reciclagem, o pewter derretido preenche as rachaduras da madeira enegrecida pelo tempo.

Ler mais

Reciclagem de troncos de madeira rachados como luminárias

LUZ QUE EMANA DAS FENDAS COMO FOGO

A luz amarela jorra das fendas e rachaduras como se miolo dos troncos de madeira ressecada estivesse sendo consumido pelo fogo.

São luminárias polivalentes para interiores e jardins. Também servem de cúpulas para pendentes, mesinhas e suportes de prateleiras.

Ler mais

Tampo de mesa revestido com lixa impregnada de madeira

MÓVEIS ‘ENTUPIDOS’ COM RESINA COLORIDA

Todo artesão sabe que se forçar a mão no desbaste contra uma lixa, a madeira esquenta e sua resina entope os grãos abrasivos.

Mas é dessa ‘falha técnica’ que um designer se aproveita para criar revestimentos coloridos para tampos de mesas e outros móveis.

Ler mais

Uma casa de campo rústica de madeira queimada sobre troncos

EU (TAMBÉM) QUERO UMA CASA NO CAMPO…

Esta casa compacta incorpora tecnologias sustentáveis em harmonia com o meio ambiente, ​​que minimizam a pegada de carbono.

A técnica japonesa Shou-Sugi-Ban incinera as superfícies dos revestimentos e cria uma camada selada contra a ação de desgaste.

Ler mais