Luminária de parede: tábua queimada e metal reciclado

MADEIRA DE DEMOLIÇÃO COM ALUMÍNIO DERRETIDO – Escultura com metal despejado nas rachaduras de tábua queimada. O objeto representa a linha que separa a matéria da luz projetada, evocando, assim, uma paisagem ou cenário metafísico no qual a luminosidade aumenta e diminui todos os dias além do horizonte.

Ler mais

Gamela redonda de madeira com metal embutido em rachadura

VASILHA COMUM TRANSFORMADA EM OBRA DE ARTE – Uma simples gamela de madeira ganha o aspecto de escultura quando tem suas fendas, rachaduras e outras imperfeições preenchidas com pewter derretido. A incrustação lembra a antiga técnica japonesa do kintsugi para restauração de tigelas de porcelana quebradas.

Ler mais

“Os Jogadores de Cartas”, de Cézanne: a sobriedade no carteado

ANÁLISE DOS QUADROS DO MESTRE IMPRESSIONISTA – “Os jogadores de cartas” não compõem um quadro único, mas uma série de cinco pinturas de Paul Cézanne que simplificam as imagens e as representações do corpo humano, numa fase pós-impressionista que viria a abrir o caminho para a desconstrução do século XX.

Ler mais

Exuberante escultura abstrata de pássaro com as asas abertas

ÁGUIA CRIADA COM PEDAÇOS DE VARETAS DE METAL – 73 pedaços de varetas de aço soldadas formam esta escultura abstrata de águia com as asas abertas, sobre base de mármore, com 75 cm de altura. O pássaro foi criado por uma lendária dupla de artesãos californianos, que assinava as obras sob o pseudônimo Curtis Jeré.

Ler mais

Casal dança em escultura recortada numa chapa única de metal

UM MISTÉRIO É ONDE A CRIAÇÃO COMEÇA OU ACABA – Um casal dança animado nesta escultura recortada numa chapa única de aço inoxidável. Em vez de dobras ou soldas, as formas fluem em continuum harmônico. O misterioso é imaginar onde a obra de arte começa ou termina já que o design se entrelaça criando o todo.

Ler mais

Casal de dançarinos em bonita escultura rústica de ferro forjado

MOVIMENTO DA DANÇA ETERNIZADO A FERRO E FOGO – Bonita escultura rústica de ferro forjado a quente representando um casal de dançarinos. A obra de arte mede cerca de 75 centímetros de comprimento e foi concebida pelo exímio ferreiro e artesão canadense Miran, que eternizou o movimento da dança em metal.

Ler mais