Crucifixo gótico de pewter enlaça pedra rolada oval negra de rio

BIJUTERIA CRIATIVA DE BAIXO CUSTO E INVESTIMENTO – Duas lâminas cruzadas de pewter envolvendo uma pedra negra rolada de rio formam um crucifixo de estilo gótico para ser usado como pingente em colar com tiras de couro sintético ou reciclado. Boa oportunidade para quem quer se lançar na fabricação de bijuterias.

Ler mais

Anéis de pewter ornamentados com baguetes de resina colorida

BIJUS COM ASPECTO CONTEMPORÂNEO E ATEMPORAL – Anne-Marie Chagnon é uma colega de ofício que desenvolve bijuterias finas com o mesmo tipo de metal que utilizamos na nossa fábrica de Petrópolis, região serrana do Rio. O pewter é uma liga nobre de estanho, livre de chumbo e outros elementos contaminantes.

Ler mais

Anel meia-lua ou quarto crescente vazado em tamanho grande

LUA ADVERSA, UMA POESIA DE CECÍLIA MEIRELLES – Tenho fases, como a Lua, de andar escondida, fases de vir para a rua… Perdição da minha vida! Tenho fases de ser tua, tenho outras de ser sozinha. Fases que vão e que vêm, no secreto calendário que um astrólogo arbitrário inventou para o meu uso. E roda a melancolia…

Ler mais

Anéis de panteras negra e branca: símbolos femininos de poder

JOIAS COM A ENERGIA DE UM PODEROSO GUARDIÃO – Em muitas culturas, a pantera simboliza a dualidade – noite e dia, vida e morte, desejo e poder – sendo usada em joias e tatuagens como um talismã por carregar a energia de um poderoso guardião. Este é o sentido dos anéis que revelam o lado obscuro do ser humano.

Ler mais

Fivelas para cintos feitas com varetas de aço forjadas como folhas

PORÉM EXISTE UMA ALTERNATIVA MAIS ECONÔMICA – O jeito de fabricar esta fivela é meter o vergalhão de aço na forja até ficar vermelho e cair de marteladas em cima dele na bigorna. É um trabalho rústico, gostoso de fazer e com um monte de vídeos no YouTube ensinando a técnica. O único problema é que sai bem caro.

Ler mais

Bijuterias de influência africana celebram a liberdade nos EUA

DESENHOS REPRODUZEM REVESTIMENTO DE MUSEU – Pingentes de chaveiros, cordões e brincos, além de pulseiras, reproduzem a geometria dos painéis que envolvem o prédio da instituição. As treliças remetem às ferragens de Nova Orleans feitas no século XIX por escravos, imitando colunas iorubá de madeira talhada.

Ler mais