Uma baleia jubarte voando entre as árvores. Você já viu?

O QUE NÃO VEMOS NÃO EXISTE NA MENTE

Na turva floresta uma enorme e graciosa baleia jubarte voa entre os troncos, até saltar sobre as copas de um mar de árvores.

O simbolismo desta mensagem em vídeo é relacionar modos paralelos de vida com os ambientes a que estamos habituados.

Ler mais

31 km de ciclovia num túnel coberto por painéis solares

COMO GERAR ENERGIA COM INTELIGÊNCIA

No Brasil, a divisória entre as pistas de rolamento das auto-estradas é um espaço morto que, em geral, só serve para crescer capim.

Já na Coreia do Sul, a faixa é aproveitada de maneira inteligente para gerar energia limpa, como ciclovia coberta por painéis solares.

Ler mais

Como abelhas, drones vão semear árvores em áreas desmatadas

‘BOMBARDEIO’ DE UM BILHÃO DE SEMENTES

Um dos maiores desafios do nosso tempo será frear o desmatamento e ainda recuperar parte das florestas que destruímos.

Nesse esforço, teremos que contar até com a ajuda de ‘abelhas tecnológicas’ para o replantio de um bilhão de árvores anuais.

Ler mais

Mimetismo de um lagarto através da pintura corporal humana

ARTE ESPIRITUAL INSPIRADA PELA NATUREZA

No mato, se não prestar atenção, você não vê o lagarto camuflado na folhagem. Aqui, o risco é não notar as duas mulheres.

O autor da obra é um italiano que vive em viagens pelo mundo envolvido em projetos sociais combinados com arte e música.

Ler mais

Rodas de bicicletas recicladas como mesas, cadeiras e biombos

PARA DECORAR UMA BIKE SHOP DESCOLADA

Mesas, cadeiras e divisórias feitas com velhas rodas de bicicletas pegam bem na decoração de uma bike shop de estilo descolado.

Mas, usadas com parcimônia e equilíbrio, as sucatas podem compor agradavelmente outros ambientes comerciais e residenciais.

Ler mais

Luminária de metal substitui casco de tartaruga na parede

DECORAÇÃO ECOLOGICAMENTE CORRETA

Ainda se encontram bares, restaurantes e pousadas em nossa orla marítima decorados com despojos de animais marinhos.

A prática, além de bizarra, é criminosa. Durante o verão, não frequente locais que ainda exibem esses troféus do mau-gosto.

Ler mais