Portões de ferro e grades para janelas do serralheiro Bob Dylan

ASTRO DO FOLK-ROCK MUDOU PARA O HEAVY METAL – Foi assim que os amigos zoaram quando Bob Dylan lançou sua coleção de portões de ferro, grades para janelas e esculturas com peças de metal recicladas. E foi aí que os fãs souberam que o músico e Prêmio Nobel também se dedica à metalurgia e serralheria artísticas.

Ler mais

Silhuetas de bruxas de metal decoram paredes e jardins

O FEITIÇO ARTESANAL DA SERRALHERIA ARTÍSTICA – Conheça os sabás de bruxas com narigões aduncos e chapéus pontudos, montadas em vassouras ou cozinhando poções em caldeirões na companhia de gatos pretos arrepiados. As silhuetas das feiticeiras são de metal cortado a plasma e pintado com tinta automotiva.

Ler mais

Sininho, uma agitadora black bloc descartável a serviço da direita

UMA REVOLUCIONÁRIA NA TERRA DO NUNCA

Sininho representa o desencanto de uma geração que acreditou na inconsequência como ação de transformação revolucionária.

Não há como não se enternecer com a figura da personagem. Ela é a imagem da filha adolescente, frágil e radical. Mas o capeta!

Ler mais

Tomate preto pode prevenir diabetes, obesidade e até câncer

O SUPERALIMENTO PARA CULTIVAR EM CASA

Virou moda cultivar a nova espécie de tomate preto que possui propriedades ou o potencial de prevenir alguns tipos de câncer.

Resultado do cruzamento dos tomates vermelho e roxo, seus antioxidantes também podem combater o diabetes e a obesidade.

Ler mais

Lições que os velhos combatentes sociais têm para nos ensinar

COM A CARA LIMPA, NOS ‘ANOS DE CHUMBO’

Gerações de bravos e combativos militantes sociais nos ensinam uma série de cuidados, requisitos e princípios a serem respeitados.

‘Afastem-se dos provocadores’ e ‘não aceitem provocações’ – eram algumas palavras de ordem quando ocorria um conflito localizado.

Ler mais

As redes são sociais, não octógnonos para golpes de MMA verbais

JÁ É HORA DE MENOS MIMIMI E MAIS HAHAHA

Postagens e comentários agressivos comprovam que ainda atravessamos a adolescência da internet, com os dedos em riste no teclado.

Formadores de opinião também têm sua parcela de responsabilidade ao incendiar a galera. É hora de pensar o quanto somos infantis.

Ler mais