Pingente de moto e caveira para usar em cordão e como chaveiro

IDEIA DE BRINDE PARA EVENTOS DE MOTOCICLISTAS – Lindas réplicas 3D em miniatura de motocicletas cruiser, portanto de estilo retrô ou vintage, perfeitas para usar como pingentes em cordões ou chaveiros. Fundidas em pewter, as motos apresentam, no lugar do farol, uma caveira e, no tanque, asas em alto-relevo.

Ler mais

Crucifixo gótico de pewter enlaça pedra rolada oval negra de rio

BIJUTERIA CRIATIVA DE BAIXO CUSTO E INVESTIMENTO – Duas lâminas cruzadas de pewter envolvendo uma pedra negra rolada de rio formam um crucifixo de estilo gótico para ser usado como pingente em colar com tiras de couro sintético ou reciclado. Boa oportunidade para quem quer se lançar na fabricação de bijuterias.

Ler mais

Arte japonesa do origami inspira esculturas de gatos em prata

DESIGN QUE REMETE ÀS FOLHAS DE PAPEL DOBRADO – Dois gatos, um sentado e outro esticado, compõem uma extensa e requintada coleção de animais fundidos em prata. A designer se inspirou na antiga arte do origami – a habilidade japonesa de dobrar o papel para criar formas com linhas geométricas reconhecíveis.

Ler mais

Folhas de costela-de-adão como pingentes e brincos de prata

BIJUTERIAS PRATEADAS COM O ASPECTO ORGÂNICO – Em todo o reino vegetal poucas folhas de plantas ornamentais são tão inspiradoras para designers de joias e bijuterias como as exuberantes costelas-de-adão. O formato típico de sua folhagem tropical cai super bem na montagem de acessórios esportivos e casuais.

Ler mais

Manobra radical: surfista entuba onda em anel temático de prata

MAS O VERDADEIRO CAMPEÃO É O MICROESCULTOR – Que os surfistas são uns sujeitos corajosos, não há dúvida. Assim como o designer que criou este anel em 3D. Sim, porque é enorme a dificuldade de se esculpir uma joia com um surfista entubando uma onda. A manobra técnica que realizou foi uma verdadeira proeza.

Ler mais

O Grito do pintor Munch inspira pingente para colar

O DESESPERO E A ANSIEDADE EM TRÊS DIMENSÕESO Grito saiu da antiga tela bidimensional do pintor Edvard Munch para se materializar em três dimensões num pingente contemporâneo. A bijuteria transmite em alto-relevo a expressão de ansiedade e desespero do protagonista da obra-prima do artista norueguês.

Ler mais