Tucano otário censura marchinha e fica ainda mais famoso

MINEIRO BURGUÊS NA BOCA DO POVO

Do blog BananaPost

Ai, ai, ai, ai… esses orelhudos não aprendem. O presidente da câmara de vereadores de Belo Horizonte, Léo Burguês, do PSDB (sempre eles!), exigiu a retirada do ar da marchinha de carnaval Na Coxinha da Madrasta, para “preservar a sua imagem” e o que aconteceu? A reação acabou sendo contrária.

Internautas e artistas da capital mineira se uniram nas redes sociais para, não apenas disponibilizar novamente áudio e vídeo, como também protestar contra a tentativa de censura do Burguês. E olha até nós aqui, de tão longe, ajudando a divulgar a musiquinha que o tucano otário tenta proibir.

Marcha de Carnaval para o tucano Léo Burguês

A marchinha, composta pelo músico Flávio Henrique, foi criada após revelação de que Burguês gastou R$ 1.500 por mês, desde 2009, com lanches comprados na mini-mercearia da sua própria madrasta.

Flávio Henrique afirma que cumpriu a exigência do advogado porque não quer que a composição seja motivo de uma batalha judicial. “O arquivo que eu disponibilizei (na internet) foi retirado, mas eu não tenho controle das reproduções que caíram na rede”, acrescentou.

O autor da marchinha conta ainda que recebeu apoio de seus colegas de profissão. “A classe artística de Belo Horizonte está indignada com a censura e já ameaça reagir caso eu seja processado”, disse.

O presidente da Cooperativa de Músicos de Minas Gerais, Makely Ka, postou um manifesto em sua página no Facebook. “Quando uma marchinha de Carnaval incomoda os governantes, é sinal de que alguma coisa está acontecendo, prova cabal de que revolveu alguma coisa no sótão escuro das casas de família tradicionais”, destacou.

Flávio Henrique explicou que a música foi inscrita no concurso de marchinhas da Banda Mole para o Carnaval da capital mineira. “Vou aguardar o resultado. Se a marchinha for selecionada, terei que analisar com cuidado, junto com meu advogado, o que vamos fazer”, disse.

Aqui, a letra da música censurada, de Na Coxinha da Madrasta:

Não sei se é ladrão,
Pervertido ou pederasta
Tem gente metendo a mão
Na coxinha da madrasta (bis)

Milhares de reais por mês
Pro lanchindo do burguês. (bis)
O nosso dinheiro ele gasta
Na cozinha da madrasta

Tira a mão, tira a mão
É hora de dar um basta
A grana da população foi parar
na cozinha da madrasta (bis)

Agora BH
já tem Édipo e Jocasta
Burguês pôs o seu cigarrete
na coxinha da madrasta

Milhares de reais por mês
pro lanchinho do burguês.
O nosso dinheiro ele gasta
na cozinha da madrasta

Tira a mão tira a mão
É hora de dar um basta
A grana da população foi parar
na cozinha da madrasta. (bis)

Tem outro vídeo aqui

Um comentário em “Tucano otário censura marchinha e fica ainda mais famoso

Deixe um comentário interessante neste artigo: