Tsunami no Brasil vira assunto por causa de vulcão no Atlântico

Risco de tsunami na costa do Brasil

ERUPÇÃO NAS ILHAS CANÁRIAS

Do blog ECOnsciência

Para nós, que vivemos numa borda bem sossegada do Atlântico Sul, só há uma probabilidade técnica de que chegue por aqui um tsunami de grandes proporções. E ela voltou a ser discutida nos últimos dias por conta do vulcão El Hierro, que pegou de surpresa moradores e turistas das Ilhas Canárias.

O vulcão submerso entrou em atividade e deve formar uma nova ilha ao arquipélago, embora ainda não se saiba exatamente quando isso vai acontecer. No entanto, se El Hierro impressionou o mundo, em termos geológicos o perigo mora logo ao lado, a 100 km dali, no vulcão Cumbre Vieja. Esse é o bicho.

É que existe uma falha sinistra ao longo da estrutura da ilha de La Palma, onde fica o Cumbre Vieja. Caso ele entre em erupção, parte da ilha poderia ceder para o mar, deslocando grandes quantidades de terra dentro do oceano e assim formando uma onda gigante.

Pode não ser agora, mas como vêm ocorrendo deslocamentos cada vez mais intensos ao longo dos últimos anos, de uma hora para outra a coisa acaba escorregando.

O problema é que, pela posição que o arquipélago fica no Atlântico, um mega tsunami poderia chegar até o Caribe, à costa leste dos Estados Unidos e até do nordeste brasileiro para baixo. Ainda atingiria a costa de Espanha e Portugal, na Europa, além de pegar em cheio o Marrocos e outras regiões africanas.

De acordo com Alberto Brum Novais, geofísico da Universidade Federal da Bahia (UFBA), não é possível prever quando isto poderá acontecer, mas o fenômeno criaria ondas de 500 km de extensão e 30 metros de altura.

“A ocorrência do tsunami vai depender do nível de erupção da região da ilha de La Palma”, disse Novais, que ressalta que o vulcão vem sendo monitorado há muitos anos. “Também não dá para ter uma previsão se o El Hierro vai influenciar o Cumbre Vieja”, completou.

Novais lembra que o terremoto que destruiu Lisboa em 1775, teve relação direta com o Cumbre Vieja.

A região que vai das Ilhas Canárias à Islândia é formada por uma cadeia montanhosa dorsal atlântica, formada pelo encontro das placas tectônicas Africana e Sul-americana. Por conta disso, é uma região com muitos vulcões ativos. Veja no infográfico:

Risco de tsunami na costa do Brasil

No Último Segundo – Ciência

2 comentários em “Tsunami no Brasil vira assunto por causa de vulcão no Atlântico

Deixe um comentário simpático neste artigo: