Música: Eu te desejo longa vida, a sorte de tudo o que é bom

DELICADEZA POÉTICA, O DOM DE FLÁVIA VENCESLAU – Flávia Venceslau é uma das vozes femininas mais marcantes da nova safra de cantoras e compositoras brasileiras. Em Te Desejo Vida, é impossível não associar seus delicados versos a expressivos menestréis da MPB, como Geraldinho Azevedo e Oswaldo Montenegro.

Ler mais

Circunda-te de rosas, ama, bebe e cala porque o mais é nada

REFLEXÃO INSPIRADA: A CRÔNICA DE SILVANA DUBOC – Navegue, descubra tesouros, mas não os tire do fundo do mar. Admire a Lua, sonhe com ela, mas não a traga para a terra. Curta o Sol, se deixe acariciar por ele, mas seu calor é para todos. Sonhe com as estrelas, apenas sonhe, porque elas só podem brilhar no céu.

Ler mais

Uma iluminura fugidia que o poente à beira-mar beija e incendeia

POEMA DE OLEGÁRIO MARIANO: ‘CASTELOS DE AREIA’ – Que iluminura é aquela, fugidia, que o poente à beira-mar beija e incendeia? É criação da fantasia: são castelos na areia. Tontas de sol, brincam as crianças como abelhas que voaram da colmeia, erguendo torreões fictícios de esperanças… são castelos na areia.

Ler mais

Aparelhado para gostar de passarinhos sou feliz por isso

O APANHADOR DE DESPERDÍCIOS, DE MANOEL DE BARROS – Os pássaros que ilustram o famoso poema são de cerâmica sobre aço inox e usados para decorar gramados e jardins. Por isso, são caros. Uma alternativa econômica e visual seria aplicar no metal pintura craquelê, protegida por uma espessa camada de verniz.

Ler mais

Painel Sol & Lua para fixar em paredes ou pendurar no jardim

ARTESANATO COM POESIA E ROMANTISMO

Um poema ultrarromântico cai bem para harmonizar com este bonito painel com a representação do Sol e da Lua unidos.

Recortada a plasma e pintada, a chapa de aço pode ser fixada nas paredes de casa ou pendurada em varandas e jardins.

Ler mais

Só, assisto à minha passagem, não sei sentir-me onde estou

POEMA NÃO SEI QUANTAS ALMAS TENHO

‘Sou a própria paisagem, assisto à minha passagem, diverso, móbil e só, não sei sentir-me onde estou…

Atento ao que sou e vejo, torno-me eles e não eu. Cada meu sonho ou desejo é do que nasce e não meu’.

Ler mais
Página 1 de 91234Última »