Silvia Viana, a socióloga que negou uma entrevista à revista Veja

ESCULACHO NUM PANFLETO REACIONÁRIO

Muita gente concede entrevistas por medo de sofrer futuras retaliações, sob a forma do habitual “assassinato de reputação”.

Mas ainda há gente como a socióloga que não se acovardou diante de um veículo fanático e reacionário como a revista Veja.

Ler mais

Cai a audiência da TV Globo e os anunciantes afundam junto. Por quê?

EMPRESAS QUEIMAM O FILME NAS TELINHAS

Uma das notícias mais importantes da semana não passou na televisão: a progressiva e escandalosa queda na audiência da rede Globo.

Projeções confirmam que a emissora terá, em 2013, o seu pior ano de Ibope. Em dez anos o tombo foi de 21 para 14 pontos em São Paulo.

Ler mais

Exploração da tragédia humana pela velha mídia sensacionalista

O CHEFE DE REDAÇÃO
O sensacionalismo contempla o que há de mais frágil na alma humana: ao priorizar sentimentos, utiliza um tom persuasivo, de forma que o sujeito passa a ser o objeto de venda da matéria.

E assim a pessoa doa a sua tragédia e a sua desgraça para o enriquecimento da velha mídia.

Ler mais

Bad Reputation, com Joan Jett, para meninas mal comportadas

A CACHAÇA DA HAPPY HOUR
A semana termina sob o domínio de uma inglesa com reputação duvidosa, mas tremenda sensação na rede.

Então, nada melhor que fechar o ciclo com Joan Jett, que se apresentará em julho, aqui no Brasil.

Bad Reputation foi uma espécie de hino das meninas mal comportadas do início dos anos 80.

Ler mais

Jornalista não se acha, tem certeza de que é o próprio Deus

O CHEFE DE REDAÇÃO
Em todas as profissões existe aquele tipo que se acha um verdadeiro ‘deus’; jornalista não, ele tem certeza da sua condição divina.

Mas, afinal, quem é esse sujeito que alcançou tamanho poder — pelo menos na velha mídia –, obcecado em julgar, condenar e tentar derrubar governos democraticamente eleitos?

Ler mais