Utopia: um anel circular e minimalista de inspiração política

MODA: RECESSÃO, REBELIÃO E REVOLUÇÃO

A joia faz parte da coleção de uma designer, apaixonada pelos gêneros art deco e art nouveau, além de cientista política.

Segundo ela, política e moda manifestam a situação socioeconômica, na maneira como as pessoas se vestem e adornam.

Ler mais

46 estados desunidos da América em campanha pela secessão

O CHEFE DE REDAÇÃO
Logo após as eleições presidenciais, cidadãos de 15 estados norte-americanos apresentaram petições para que seja possível a secessão e a formação de governos próprios e autônomos.

Outras 31 unidades da federação, de um total de 50 estados, também seguiram pelo mesmo caminho. Por lá não se fala de outra coisa.

Ler mais

Macacos se rebelam contra a injustiça, como os humanos

DO BLOG BANANAPOST
Engana-se quem até agora achava que o homem era o único animal capaz de se sentir injustiçado e até mesmo decidir entrar em greve.

Sim, os macacos do gênero Cebus também se recusam a realizar tarefas caso percebam que tenham recebido um tratamento desigual.

Ler mais

Anonymous: militância pós-moderna, descentralizada e planetária

O CHEFE DE REDAÇÃO
Anonymous não é um grupo, mas uma ideia indefinida que aponta para a metade do planeta.

Realiza o desejo não confesso de muitos cidadãos: colocar uma pedra na engrenagem da perfeição ultraliberal e abrir a cortina de sociedades ultrapoliciais que só protegem os interesses do poder.

Ler mais

Negros estão solidários com o movimento Occupy Wall Street

O CHEFE DE REDAÇÃO
‘O poder hegemônico das finanças se desconectou da economia real, não está mais no negócio de fabricar e vender cordas para o povo se enforcar.

Agora transforma o mundo em capital, para alimentar o capital, para a transformação do capital. Já não pode coexistir com a vida humana’.

Por Glen Ford, editor de Black Agenda Report.

Ler mais

Pobre Líbia de Kadafi, tão longe de Deus, tão perto do Mediterrâneo

O CHEFE DE REDAÇÃO
Antes de sair por aí elogiando a “queda” de Kadafi, preste atenção nos retalhos da bandeira do “rebelde” líbio.

Da mesma forma, antes de disparar para o alto os mesmos tiros de foguete da velha mídia ocidental, conheça o destino reservado à nova Líbia, país que exportava 1,3 milhão de barris de petróleo por dia até o início da rebelião.

Ler mais
Página 1 de 212