Corrupção: velho pretexto dos fascistas para a tomada do poder

A HIPOCRISIA DE QUEM PRATICA A MALDADE

O fascista fala o tempo todo em corrupção. Fez isso na Itália em 1922, na Alemanha em 1933 e no Brasil em 1964. Agora também.

Ele acusa, insulta, agride como se fosse honesto. Mas o fascista é só um criminoso, um sociopata que persegue a carreira política.

Ler mais

Pais que cedem a muitos desejos criam a maldade nos filhos

A FÁBULA DA MENINA QUE QUERIA UM PEIXE

Vivemos numa sociedade consumista, onde os desejos têm grande poder. O aumento generalizado do egocentrismo está disseminado pelo planeta.

A fábula da menina e do peixe permite uma reflexão sobre os motivos pelos quais os desejos podem se tornar grandes geradores de maldades.

Ler mais

10 Mandamentos para Transgredir: para o seu bem, sofra desse mal

VOCÊ JÁ ESTÁ CONDENADO, GRAÇAS A DEUS! – Dê uma surra de bondade no mundo! Transgrida esses princípios sempre. Será para o seu bem. Seja incorrigível. Seja esse pecador. Peque esse pecado. Sofra desse mal. Você está condenado!

Ler mais

Elegância no comportamento e como gentileza gera gentileza

A ELEGÂNCIA DO COMPORTAMENTO

Existe uma coisa difícil de ser ensinada e que, talvez por isso mesmo, esteja cada vez mais rara: a elegância do comportamento.

É um dom que vai muito além do uso correto dos talheres e que abrange bem mais do que dizer um simples ‘obrigado’ diante de uma gentileza.

Ler mais

Luciano Huck explora desgraça para vender o seu peixe

DO BLOG BANANAPOST
Ganhando dinheiro com tragédias humanas.

Luciano Huck é sócio de um site de compras coletivas.

Sempre que tem uma oportunidade, o apresentador da Globo usa o Twitter para tentar bater o recorde de vendas de cupons.

Ler mais

Veneno e maldade das pessoas: crônica de Veríssimo

DO BLOG ECONSCIÊNCIA INOVADORA
“O veneno sugere que existe, sim, o mal-intencionado nato. O ruim desde o princípio. E o que vale para serpentes vale para o ser humano. Sem querer entrar na velha discussão sobre o valor relativo da genética e da cultura na formação da personalidade, o fato é que não dá para evitar a constatação de que há pessoas venenosas, naturalmente venenosas…”

Os Venenosos, crônica de Luis Fernando Veríssimo.

Ler mais
Página 1 de 212