Garfo antigo reciclado como bijuteria em forma de medusa

TALHER DE PEWTER MODELADO COMO ÁGUA-VIVA – Truque industrial: embora pareça, este não é um garfo antigo reciclado como pingente com o formato de uma medusa ou água-viva. O talher original foi usado como matriz para cópias em sequência fundidas em pewter, liga nobre de estanho bastante parecida com a prata.

Ler mais

Árvore da Vida recortada numa colher de sopa de aço inoxidável

BIJUTERIA OU ENFEITE FEITO COM TALHER RECICLADO – A superfície côncava de inox dá volume à Árvore da Vida recortada a serra tico-tico numa colher de sopa. Com uma argola, pode ser usada como pingente; com um alfinete, broche. Ou então, enfeite de mesa. A reciclagem gera uma boa renda para artesãos habilidosos.

Ler mais

Pingentes de peixinhos feitos com garfos de faqueiros antigos

TESOURO DE PRATA RECICLADO COMO JOIAS

Se um dia eu receber de herança o antigo faqueiro de prata que pertenceu à minha avó já sei o que fazer com o tesouro.

Facas e colheres vão virar objetos de arte, enquanto os garfos serão reciclados como pingentes de simpáticos peixinhos.

Ler mais

Talheres antigos de prata reciclados como pingentes de animais

ELEFANTE, BORBOLETA, GOLFINHO, GATO…

Reciclar o antigo faqueiro de prata como pingentes é mais lucrativo do que manter as peças guardadas no fundo do armário.

É a lógica de uma artesã que aproveita os alto-relevos florais que ornamentam os talheres para montar belas espécies animais.

Ler mais

Portador do Mal de Parkinson faz terapia com escultura de talher

AVES FEITAS COM FAQUEIROS RECICLADOS

Velhos garfos, facas e colheres reciclados dão vida artística a várias espécies de animais selvagens. As aves são o destaque desta coleção.

Há mais de 20 anos, o escultor foi diagnosticado com a Doença de Parkinson e, desde então, produz seu trabalho como forma de terapia.

Ler mais

Crucifixo com cabo de talher usado como chaveiro ou pingente

GARFOS E COLHERES ANTIGAS RECICLADAS

Quatro extremidades de cabos de talheres antigos, cortadas e soldadas, permitem formar crucifixos com flores em alto-relevo.

As peças de aspecto vitoriano, quase steampunk, podem ser usadas como pingentes de chaveiros, cordões ou outras bijuterias.

Ler mais
Página 1 de 212