Subterrâneos da Catedral de São Basílio, na Praça Vermelha

REAL E ABSURDO NA ARQUITETURA RUSSA

Igreja ortodoxa na Praça Vermelha

Imagine que das catacumbas da Catedral de São Basílio, em Moscou, emergisse aos 450 anos Ivan, o Terrível, construtor da igreja ortodoxa que, com suas icônicas cúpulas coloridas semelhantes a confeitos, se transformou no maior símbolo visual da Rússia.

Ou que dos subterrâneos do Teatro Bolshoi se materializasse o assustador Fantasma da Ópera. Ou que, pior ainda para as atuais elites russas, da profunda estrutura construtivista da Universidade Lomonosov ressurgissem os luminares do comunismo soviético.

Nem Dan Brown seria capaz de incluir tantos anjos e demônios em seus delírios e teorias conspiratórias. Os publicitários da filial da agência Saatchi & Saatchi em Moscou conseguiram, ao misturar fantasia histórica com o devido toque de humor absurdo.

As três obras arquetípicas da arquitetura russa formam a série Descubra a História Completa, de uma campanha ficcional e impactante para promover internacionalmente o Museu de Arquitetura Shchusev, de Moscou. (clique nas imagens a seguir para ampliar)

Símbolo da Rússia

Fantasma da Ópera

Subterrâneos de Universidade russa

Mais no Web Urbanist

Deixe um comentário interessante neste artigo: