Sapato Velho, na voz de Paulinho Tapajós, que morreu hoje aos 68 anos

A ANDANÇA, AGORA, POR NOVOS CAMINHOS

Paulinho Tapajós morreu nesta sexta-feira, 25, aos 68 anos. O músico e compositor lutava contra um câncer há seis anos. Neste vídeo, ele interpreta Sapato Velho, grande sucesso com o Roupa Nova.

Quem nunca cantou Andança, por esses bares da vida? Uma turma falava um verso e a outra emendava outro… Olho a lua mansa a se derramar (me leva amor); Ao luar descansa meu caminhar (amor)…

Letra da música Sapato Velho

SAPATO VELHO

Autores: Mú Carvalho/Claudio Nucci/Paulinho Tapajós

Você lembra, lembra!
Daquele tempo
Eu tinha estrelas nos olhos
Um jeito de herói
Era mais forte e veloz
Que qualquer mocinho
De cowboy…

Você lembra, lembra!
Eu costumava andar
Bem mais de mil léguas
Prá poder buscar
Flores-de-maio azuis
E os seus cabelos enfeitar…

Água da fonte
Cansei de beber
Prá não envelhecer
Como quisesse
Roubar da manhã
Um lindo pôr-de-sol
Hoje não colho mais
As flores-de-maio
Nem sou mais veloz
Como os heróis…

É! Talvez eu seja
Simplesmente
Como um sapato velho
Mas ainda sirvo
Se você quiser
Basta você me calçar
Que eu aqueço o frio
Dos seus pés…

Água da fonte
Cansei de beber
Prá não envelhecer
Como quisesse
Roubar da manhã
Um lindo pôr-de-sol
Hoje não colho mais
As flores-de-maio
Nem sou mais veloz
Como os heróis…

É! Talvez eu seja
Simplesmente
Como um sapato velho
Mas ainda sirvo
Se você quiser
Basta você me calçar
Que eu aqueço o frio
Dos seus pés…

Talvez eu seja
Simplesmente
Como um sapato velho
Mas ainda sirvo
Se você quiser
Basta você me calçar
Que eu aqueço o frio
Dos seus pés…


Deixe um comentário simpático neste artigo: