Richard Clayderman toca piano para Tartarugas de Galápagos

OS QUELÔNIOS SOB AMEAÇA DE EXTINÇÃO

Escultura de tartaruga na praia

Do blog BananaPost

Não é à toa que elas estão em perigo. Lembra daquele pianista, Richard Clayderman, um mala especializado em teclar “música” ambiente para salas de espera de consultórios de dentistas?

Pois é, o louro francês tentou chamar a atenção com uma serenata bem démodé, com melodias de seu último álbum Romantique, para duas tartarugas de Galápagos do zoológico de Londres.

O bizarro concerto era uma tentativa de deixar os répteis gigantes com vontade de acasalar, mas a operação de marketing de Phillipe Pagès (seu nome verdadeiro) acabou não dando resultado.

Mesmo uma versão mais trepidante do tema “Carruagens de Fogo” de nada serviu para levantar o ânimo dos bichos, que continuaram quelonicamente indiferentes aos acordes do pianista.

Os cágados só pareceram um pouco menos entediados com a brochante apresentação quando os providenciais tratadores do zoológico trouxeram algumas cenouras apetitosas e estimulantes.

As tartarugas de Galápagos são as maiores do mundo e podem viver 150 anos. Os gentis animais lutam na atualidade contra a ameaça de extinção e das incômodas visitas de Clayderman. Ele é muito chato!

Com F5 – Bichos

Deixe um comentário simpático neste artigo: