Restauração com ouro devolve beleza a porcelana antiga quebrada

ARTE DE ENCONTRAR O BELO NO IMPERFEITO

Arte da kintsugi ou kintsukuroi

A reciclagem, hoje tão em moda, existe desde o início de tudo, quando nossos longínquos ancestrais começaram a produzir as primeiras ferramentas e armas com ossos, galhos e pedras lascadas.

O reaproveitamento de utensílios domésticos talvez tenha chegado próximo à perfeição artística no final do século XV, causando espanto nos pioneiros exploradores europeus que chegaram ao Oriente.

Kintsugi ou kintsukuroi, por exemplo, é a arte secular japonesa de restauração da porcelana ou cerâmica quebradas com um verniz especial polvilhado com ouro em pó, prata ou platina.

As costuras irregulares dos metais preciosos brilham nas rachaduras de vasos, pratos e tigelas, dando uma aparência única a cada peça.

Arte da kintsugi ou kintsukuroi

Este método de reparação celebra história única do artefato, enfatizando as fraturas e quebras em vez de esconder ou dissimulá-los.

A técnica de ourivesaria muitas vezes faz com que a peça reciclada fique ainda mais bonita que o original, revitalizando o artefato com novo aspecto.

Este tipo de arte está relacionado com a filosofia japonesa de wabi-sabi , que valoriza encontrar a sublime beleza naquilo que é imperfeito.

O método de reparação também nasceu da sensação japonesa de mottainai, que lamenta quando algo, qualquer coisa, é desperdiçada.

Arte da kintsugi ou kintsukuroi

Arte da kintsugi ou kintsukuroi

Arte da kintsugi ou kintsukuroi

Visto em My Modern Metropolis

Um comentário em “Restauração com ouro devolve beleza a porcelana antiga quebrada

  • 14 de maio de 2014 em 08:38
    Permalink

    É por esse tipo de trabalho e filosofia que eu amo os japoneses.

    Obrigado por mostrarem isso!

    Resposta

Deixe um comentário simpático neste artigo: