Por pouco avião decola com comandante e tripulação bêbados


Voo é suspenso na Ucrânia “só” porque os tripulantes estavam bêbados.

Um voo doméstico da companhia ucraniana DonbassAero, que faria a rota entre as cidades de Simferopol e Kiev, foi suspenso porque TODOS os tripulantes, inclusive o comandante, estavam na maior manguaça, denunciou hoje um deputado do Parlamento da Ucrânia.

“O voo só não decolou porque todos os membros da tripulação, do primeiro ao último, estavam, como se diz popularmente, bêbados como gambás“, disse o parlamentar Leonid Grach. Ou seja, estava feia a coisa.

Entre os passageiros do vôo encontravam-se o próprio deputado e a procuradora-geral adjunta da República, Tatiana Korniakova, que acabou participando da investigação do incidente.

“E isso aconteceu às 13h, após uma noite de diversão”, ressaltou Grach, ao apontar que 86 passageiros foram afetados pela bebedeira da tripulação.

Segundo o deputado, quando a investigação começou, ficou claro que todo o sistema de controle ucraniano, incluindo a parte médica, está em tal estado que os passageiros não sabem em que condições estão as tripulações dos aviões em que viajam.

Depois do ocorrido, Grach propôs o endurecimento da responsabilidade penal sobre os pilotos que sejam surpreendidos em total estado de embriaguez.

Fonte: divulgado hoje (10/03) pela agência espanhola de notícias EFE.

Deixe um comentário interessante neste artigo: