Piada: amigos de bar em tempos de paz e de guerra

Amigos de Bar
Dois amigos inseparáveis só bebiam pinga juntos. Todo santo dia.

Até que um deles foi convocado para servir na guerra. Na despedida, fez o outro prometer:

– Sempre que vier aqui no bar tome uma por mim.

E assim foi feito. Todos os dias entrava, batia no balcão e mantinha a palavra empenhada:

– Desce duas! Uma pra mim e outra pelo meu camarada, que está na guerra.

Durante um ano inteiro o mesmo ritual:

– Desce duas… Mais duas… Outras duas…

Só que certa ocasião ele surpreendeu ao mudar o pedido:

– Desce uma!

Foi o maior susto, uma comoção entre os fregueses. O dono do bar, aflito, perguntou:

– Só uma? O que foi que houve, seu amigo morreu?

– Hãããã??? Não… EU é que parei de beber!

Deixe um comentário simpático neste artigo: