Pesquisa Ibope confirma que homofobia não passa de ignorância


Machismo e burrice

HOMOFOBIA = BAIXA ESCOLARIDADE

A resistência em avaliar novas ideias (os mais velhos são mais homofóbicos que os mais novos) e o machismo (os homens são mais homofóbicos que as mulheres) provam que homofobia é coisa de velhos, ignorantes e machões!Alan Souza

A Cachaça da Happy Hour

Por Eduardo Guimarães *

Mais da metade dos brasileiros — 55% — são contrários à união estável entre homossexuais. Diante da pesquisa do Ibope, eclodiram matérias nas redes sociais da Internet que dão a entender que a pesquisa é negativa para a causa dos homossexuais de lutarem por direitos iguais aos dos heterossexuais. Todavia, é exatamente o contrário.

Em primeiro lugar, há que se ter presente que há alguns anos seria impensável que quase metade da população brasileira (45%) fosse favorável a que homossexuais pudessem se unir legalmente num cartório. Além disso, a pesquisa, em meio a vários dados inúteis, detectou um fato que este blog divulgou no post Os três níveis de homofobia faz pouco tempo.

De maneira geral, a pesquisa identifica que pessoas que aceitam melhor a orientação sexual alheia são as mulheres, os jovens e os mais escolarizados. Mais de 2 mil brasileiros de todas as regiões foram entrevistados seguindo cotas proporcionais por idade, sexo e classe de consumo.

O mais importante dos dados é o de que entre aqueles que estudaram só até a 4ª série do ensino fundamental 68% são contrários à união civil entre homossexuais, enquanto que apenas 40% dos que têm nível superior são contrários ao direito. Ou seja: quanto menor a instrução, maior a homofobia. Cada vez mais fica provado que preconceito não passa de ignorância.

* No Blog da Cidadania

* * *

Blog da Nívia de Oliveira Castro

Deixe um comentário simpático neste artigo: