O antídoto para acidentes na pescaria de mineiros

Pescaria de mineirosDo blog A Cachaça da Happy Hour (publicado em 29/08/2009)

Porque é sábado, dia de pescaria, os dois mineiros se encontram no ponto para aguardar o ônibus que os levará ao ribeirão:

– Então cumpade, tánimado? – pergunta o primeiro.

– Eu tô, ôme! – responde o amigo, ajeitando as tralhas.

– Ô cumpade, pra mode quê esses dois embornal?

– É que tô levano uma pingazinha, ôme.

– Pinga, cumpade? Nóis num tinha acertado que num ia bebê mais?!

– Pois então, é que pode parecê uma cobra e picá nóis.

– Hum…

– Daí nóis desinfeta com a pinga e toma uns gole que é pra mode num senti dô.

– Aham… e na outra sacola, cumpade, que qui tá levano?

– Só pru garantia, ôme, vai qui lá num tem… a cobra!

* * *

Blog da Nívia de Oliveira Castro

2 comentários em “O antídoto para acidentes na pescaria de mineiros

  • 26 de fevereiro de 2010 em 19:54
    Permalink

    fomos em uma pescaria de baranco a qual so pegavo mosquito não tinhamos barco mais consseguimos embarcar eramos quatro pessoas matamos um tatu em embarcamos tanquilo pegamos so 70 peixes de aproximadamente 3.tatu erra tamnho medio data da pescaria 07 07 2007 lua mingunte linha025 isca tuvira pescaria tem que ser seria boa pescaria

    Resposta da Nivia: ?????… Ô seu Braz, não “pesquei” essa. Dá pra explicar melhor?

    Resposta
  • 29 de agosto de 2009 em 22:21
    Permalink

    Boa, Nívia, muito boa mesmo. Mas melhor que ela talves só o video do barbudo arabe achando graça de si proprio no youclube do bolinha.

    Não sei porque mas me lembrou o bobalhão do jô soares. Só faltaram os “meninos do Alibabá”. kkkk. Muito jóia!! Vou repassar essa.

    Resposta

Deixe um comentário interessante neste artigo: