Nuvem de cinzas do vulcão Puyehue já deu a volta ao mundo

Fumaça de vulcão chileno dá a volta ao mundo

RETORNO AO PONTO DE PARTIDA

Do blog ECOnsciência

A nuvem de cinzas do complexo vulcânico Puyehue-Cordón Caulle, que entrou em erupção no último dia 4 no Chile, deu a volta ao mundo e retornou ao Chile nesta sexta-feira. O contorno pode ser considerado rápido devido à menor distância geográfica naquela parte do globo terrestre, bastante próxima da Antártida (clique no mapa abaixo para ampliar).

Treze dias depois de decretar estado de emergência, a nuvem completou a volta ao planeta — primeiro chegou a Buenos Aires e Montevidéu e, pelo movimento de rotação da Terra, passou pela Austrália e Nova Zelândia — e retornou novamente ao Chile, onde entrou pela região sul do país.

A chegada da nuvem vulcânica pelo lado oposto força de novo a suspensão de vários voos, que até agora tinham operado com reltiva normalidade.

Nuvem expelida do Puyehue contorna planeta“Devido ao deslocamento das cinzas vulcânicas rumo ao sul do Chile, a companhia aérea LAN teve de cancelar seus voos com pousos e decolagens nas cidades de Puerto Montt, Balmaceda e Punta Arenas”, indicou nesta sexta-feira a companhia em seu site.

O conjunto de fumaça e cinzas do vulcão, situado a cerca de 950 quilômetros de Santiago, obrigou a evacuação de 4 mil pessoas de seus arredores, mas até o momento não tinha afetado o tráfego aéreo interno no Chile, já que os ventos sopravam em sentido leste.

Apenas quatro dias depois da erupção, a nuvem vulcânica começou a alterar as operações em aeroportos na Argentina, Uruguai, Paraguai e Brasil. No sábado passado, após percorrer mais de 9 mil quilômetros, obrigou também a suspensão de voos na Austrália e Nova Zelândia.

ARGENTINA

O governo da província argentina de Neuquen declarou emergência econômica para ajudar cidades afetadas pela precipitação de cinzas que prejudicaram a pecuária e o turismo na região, no exato momento em que se preparava para as férias de inverno, quando milhares turistas vão esquiar na região.

O decreto fará com que as pessoas afetadas sejam beneficiadas, entre outras coisas, por isenções em alguns tributos.

Nuvem de cinzas do vulcão chileno

Fonte

* * *

Blog ECOnsciência Inovadora

Deixe um comentário simpático neste artigo: