Nova cueca com malha de prata protege ‘documentos’ da radiação

‘GAIOLA DE FARADAY’ ISOLA OS CELULARES

Proteção contra radiação

Carregar o celular no bolso durante todo o dia pode parecer inofensivo, mas há evidências crescentes que associam os telefones a casos de impotência, infertilidade e baixa contagem de espermatozoides.

Preocupado com a saúde de seus “pequeninos nadadores”, um físico inglês bolou uma cueca com fios de prata para protegê-los da radiação emitida por telefones, tablets e outros dispositivos eletrônicos.

Ao entrelaçar a malha de prata no tecido de algodão da roupa íntima masculina, Joseph Perkins criou a chamada gaiola de Faraday, não para passarinhos, mas para fazer blindagens eletromagnéticas.

PROTEÇÃO TOTAL

Cada peça tem aproximadamente 20% de fios de prata tecidos na trama. Além de reforçar sua estrutura, também torna a roupa antimicrobiana, protegendo-a de bactérias e mantendo o cheiro agradável.

São duas versões de cuecas: um modelo protege toda a área circundante e o mais simples só garante proteção na frente do corpo. Os testes comprovaram 99,97% de eficiência contra radiação Wi-Fi.

Cada cuequinha vai custar em média o equivalente a 130 reais. O inventor acaba de lançar campanha Indiegogo para financiar a produção. Vendas estão previstas para começar ainda em julho deste ano.

Deixe um comentário interessante neste artigo: