Mídia tenta enfraquecer presidenta Dilma com Copa do Mundo

 
Veja usa esporte para derrubar Dilma

TENTATIVA DE GOLPE CONTRA A PRESIDENTA

O Chefe de Redação

É muito simples compreender o novo golpe baixo da revista, em conjunto com a FIFA. Basta levar em conta que a editora que publica a Veja é apoiadora oficial da entidade máxima do futebol mundial — em troca de um caminhão de grana, claro, imagina só o tamanho da caçamba.

Por este motivo ela publicou no último final de semana denúncias requentadas de corrupção contra o ministro dos Esportes, Orlando Silva, baseadas em acusações de dois bandidos. Mais uma matéria com credibilidade zero, portanto. Quem se engana com isso?

Além de a FIFA não ter engolido a petulância da nossa presidenta em alterar a tal Lei Geral da Copa, que na prática atropelava a soberania nacional, Roberto Civita, o dono da Veja, está enfurecido com os sucessivos governos do PT que, nos últimos 9 anos, tiraram da velha mídia montanhas de dinheiro público. Quer dizer, juntou a fome com a vontade de comer.

Segundo informações do ator José de Abreu ao Blog da Cidadania, de Eduardo Guimarães, de fato, de 2003 para cá bilhões de reais que o governo gasta oficialmente em comunicação, que até aquele ano eram divididos entre apenas 500 veículos (de propriedade cruzada), hoje irrigam cerca de oito mil órgãos de imprensa, muitos deles com linha editorial totalmente inversa à da grande mídia, que até o advento da eleição de Lula, em 2002, mamava tranquilamente. E sozinha.

O caminho para entender o imbroglio é por aí, sem mistérios. Só que ninguém vai ver este nervo exposto na Globo ou na Band, por exemplo, que fazem coro com a Abril porque também tiveram seus interesses particulares contrariados. Simples assim, só trouxa embarca nessa conversa fiada.

Com dica de Stanley Burburinho, no blog do Luis Nassif

* * *

O Chefe de Redação


2 comentários em “Mídia tenta enfraquecer presidenta Dilma com Copa do Mundo

Deixe um comentário interessante neste artigo: