Manuel, o Audaz – a canção que é hino dos jipeiros

Do Blog A Cachaça da Happy Hour

Diz a tradição mineira que Toninho Horta e Fernando Brant, compuseram esta canção em homenagem a Manuelzão, personagem de Guimarães Rosa, em Grandes Sertões: Veredas.

Só que o Audaz, no caso, era um jipe amarelo (de poeira?), que enfrentava os sertões de Minas Gerais com galhardia e levava para tudo quanto era canto a turma do Clube da Esquina — Lô Borges, Beto Guedes, Wagner Tiso, Milton Nascimento, Fernando, o próprio Toninho e outros.

A música saiu no segundo disco solo de Toninho Horta em 1981.

Toninho Horta - Manuel, o Audaz

Mas a versão original havia sido lançada em um álbum, hoje raro, de 1973, gravado por Beto Guedes, Danilo Caymmi, Novelli e Toninho Horta — ainda não disponível em cd — bem ao estilo hippie-ruralista que predominava no começo daquela década.

Foi neste período que surgiu uma grande geração dos autores e intérpretes mineiros, num movimento que, agora, parece repetir-se. (clique aqui para ver no YouTube)

MANUEL, O AUDAZ

Se já nem sei o meu nome
Se eu já não sei parar
Viajar é mais, eu vejo mais
A rua, luz, estrada, pó
O jipe amarelou

Manuel, o audaz
Manuel, o audaz
Manuel, o audaz
Vamos lá viajar

E no ar livre, corpo livre
Aprender ou mais tentar

Manuel, o audaz
Manuel, o audaz
Iremos tentar
Vamos aprender, vamos lá

Manuel, o audaz
Vamos lá viajar

E no ar livre, corpo livre
Aprender ou mais tentar

Manuel, o audaz
Manuel, o audaz
Iremos tentar
Vamos aprender, vamos lá

Conheça o projeto A Música Audaz de Toninho Horta sobre a obra do músico e compositor mineiro — de Belo Horizonte –, mestre das harmonias e instrumentista, cujo reconhecimento atravessa as fronteiras do nosso País.

* * *

Blog da Nívia de Oliveira Castro

2 comentários em “Manuel, o Audaz – a canção que é hino dos jipeiros

  • 15 de junho de 2010 em 18:43
    Permalink

    Olha que linda homenagem das “clubeiras”. Emocionante!
    PS: catei essa dica lá no blog Cachaça Araci, Nivia. Conhece? rsrsrsrsrs

    Resposta
  • 4 de junho de 2010 em 21:16
    Permalink

    E eu sempre tentando advinhar quem era esse tal de Manoel Audaz, só que nunca lembrava de pesquisar. Acabei achando aqui, por acaso. Valeu, em especial por essa maravilha musical que é o TH destruindo na guitarra. Abraços.

    Resposta

Deixe um comentário simpático neste artigo: