Linux comemora 20 anos – cada vez mais fácil de usar

O SISTEMA QUE NÃO SOFRE ATAQUE DE VÍRUS

O Chefe de Redação

O sistema operacional Linux está em 95% dos supercomputadores do mundo e roda nos servidores que suportam os sites Amazon, Facebook, Twitter e Google, apenas para citar alguns exemplos.

O programa equipa ainda câmeras fotográficas, esteiras de corrida, caixas eletrônicos de bancos e é o motor do sistema para smartphones mais utilizado do planeta, o Android.

20 Anos do Sistema Operacional Linux

Nada mal para um programa que nasceu como hobbie, sem qualquer ambição, há 20 anos. “Olá, todo mundo. Estou fazendo um sistema operacional gratuito (apenas um hobby, não será algo grande ou profissional) e ele está começando a ficar pronto”.

Este é um trecho da mensagem que Linus Torvalds, programador, enviou em 1991 para um grupo de discussão de e-mail. Anexado à mensagem, Linus liberou a primeira versão do que hoje é o Linux.

Jim Zemlin, diretor da Linux Foundation, em entrevista ao site “Network World”, disse que o Linux superou a Microsoft em “quase todos os mercados, incluindo computação móvel e de servidores”. “Acho que nós não nos importamos mais com a Microsoft. Ela era a nossa principal concorrente, mas agora é como chutar um cachorrinho”, disse.

Zemlin diz que enquanto as ações da Microsoft têm caído vertiginosamente, os papéis de companhias baseadas em Linux, como a Red Hat, seguem subindo.

“O Linux começou humildezinho como um projeto de um estudante em Helsinki para algo que hoje responde pela maior parte do tráfego na internet”, completa.

20 Anos Linux - LogoCOMEMORAÇÕES

Em comemoração aos 20 anos do projeto, a Fundação Linux lançou um site que traz, além de vídeo (assista acima) e infográfico com a linha do tempo do sistema, informações sobre o calendário de comemorações, que inclui a convenção LinuxCon em Vancouver (Canadá), de 17 a 19 agosto.

Também terá um concurso de design de camisetas especiais para a data e é possível gravar mensagens em vídeo para compartilhar com outros usuários em uma seção especial chamada Video Booth, que estará na página da fundação Linux durante o ano inteiro.

QUEM USA

Linux é o termo geralmente usado para designar qualquer sistema operacional que utilize o núcleo Linux.

Foi desenvolvido pelo finlandês Linus Torvalds, inspirado no sistema Minix. O seu código fonte está disponível sob licença GPL para qualquer pessoa que utilizar, estudar, modificar e distribuir.

Inicialmente desenvolvido e utilizado por grupos de entusiastas em computadores pessoais, o sistema Linux passou a ter a colaboração de grandes empresas, como a IBM, a Sun Microsystems, a Hewlett-Packard (HP), Red Hat, Novell, Oracle, Mandriva e a Canonical.

Ele é apoiado por pacotes estáveis e cada vez mais versáteis de aplicativos para escritório (LibreOffice; BrOffice, por exemplo) ou de uso geral, por programas gratuitos para micro e pequenas empresas, além de interfaces gráficas cada vez mais amigáveis, como o KDE e o GNOME.

O núcleo Linux, conhecido por sua estabilidade e robustez, tem gradualmente caido no gosto popular, encontrando-se cada vez mais presente nos computadores de uso pessoal atuais.

Há muito entretanto destaca-se como o sistema operacional preferido em servidores de grandes porte, encontrando-se quase sempre presente nos “mainframes” de grandes empresas comerciais e até mesmo no computador mais rápido do mundo, o Tianhe-I, chinês.

Com informações da FSP. Saiba mais na Wikipédia.

* * *

O Chefe de Redação

Deixe um comentário simpático neste artigo: