Leão reina em tabuleiro de jogo de xadrez com gatos selvagens

PEÇAS E TABULEIRO CUSTAM QUASE R$ 800 MIL

Xadrez de ouro e prata

Tão improvável quanto reunir bandos tão heterogêneos de gatos selvagens para uma feroz disputa territorial nas savanas é encontrar mais imagens desse luxuosíssimo jogo de xadrez temático.

O exclusivo set desapareceu após uma breve exposição, há dois anos, em Londres. Ele é tão caro que deve estar sendo preservado numa fortaleza. O preço? Nada menos que 785 mil reais.

Além de trazer a assinatura de Theo Fennell, o joalheiro preferido pelos magnatas e estrelas do cinema e do rock na atualidade, pelas poucas informações disponíveis tal valor pode até se justificar.

O tabuleiro em si – de enormes dimensões, com quase um metro de largura por 4 cm de altura e bordas chanfradas – usa mármores Staturio para os quadrados brancos e Portoro para os pretos.

Xadrez com leão e leoa

Todo rajado, o Portoro é uma das mais caras e procuradas rochas calcárias do mundo. Abundante na arquitetura renascentista, sempre foi apreciado por aristocratas, incluindo Napoleão Bonaparte.

Cada casa foi estrategicamente cortada de modo que as estrias, ou veios, atravessam para a próxima dando a ilusão de que ambos os blocos são de fato um. O efeito é absolutamente hipnotizante.

As peças representam felinos selvagens, em posição atenta e ameaçadora, como linces, panteras, leopardos, tigres e leoas, sob o domínio dos leões, claro, como reis desse jogo de vida e morte.

Com altura de algo próximo a 15 cm, seriam fundidas em prata 925 e posteriormente banhadas a ouro e ródio. É tudo o que se sabe, porque nem o designer disponibilizou mais dados em seu site.

Xadrez Theo Fennell

xadrez-ouro-prata

Jogo de xadrez luxuoso

Clique nos links sublinhados para saber mais.

Deixe um comentário simpático neste artigo: