Japão sofreu 1.000 terremotos acima de 4,5 graus em um mês


Gráfico de tremores

TERRA TREME NO JAPÃO, AUSTRÁLIA E NOVA ZELÂNDIA

Do blog ECOnsciência

Um novo terremoto de 5,9 graus na escala Richter sacudiu neste sábado, 16, a região de Kanto, no centro do Japão, e foi sentido com clareza em Tóquio, mas não levou a um alerta de tsunami.

O tremor ocorreu às 23h19 de Brasília na província de Tochigi, ao norte da capital do país, e teve epicentro a 70 quilômetros sob a terra.

Prédios balançaram em várias localidades das províncias de Ibaraki, Tochigi e Saitama, próximas a Tóquio.

Desde 11 de março, o Japão foi atingido por mais de 1 mil terremotos superiores a 4,5 graus na escala Richter, de acordo com o Instituto Geológico dos Estados Unidos.

NOVA ZELÂNDIA E AUSTRÁLIA

Um terremoto de magnitude 5,2 sacudiu neste sábado a cidade neozelandesa de Christchurch, provocando um corte da eletricidade em inúmeras áreas, mas sem o registro imediato de danos ou vítimas.

Christchurch, segunda cidade da Nova Zelândia, foi devastada em fevereiro por um terremoto de magnitude 6,3 que deixou 181 mortos. Esse terremoto foi precedido por um de magnitude 7,1 em setembro, apesar de menos destrutivo.

O tremor deste sábado aconteceu às 2h49 de Brasília, a 16 km a oeste da cidade e a uma profundidade de 9 km. Cerca de 20 mil casas e negócios ficaram sem força em Cristchurch.

Cerca de 20 minutos após o registro na Nova Zelândia, um outro tremor atingiu a costa da Austrália, a cerca de 125 quilômetros da cidade de Townsville. O abalo foi sentido em diversas cidades do país.

Das Agências

* * *


Blog ECOnsciência Inovadora

Deixe um comentário simpático neste artigo: