Ilusão de ótica, parlenda e camuflagem: o gato invisível

 

Gato escondido no mato

E O BICHANO SUMIU

Do blog BananaPost

“Cadê o toucinho que estava aqui? O gato comeu. Cadê o gato? Fugiu pro mato. Cadê o mato? O fogo queimou. Cadê o fogo? A água apagou. Cadê a água? O boi bebeu. Cadê o boi? Foi amassar o trigo. Cadê o trigo? Foi fazer o pão. Cadê o pão? O padre pegou. Cadê o padre? Foi rezar a missa. Cadê a missa? Já se acabou”.

O que você leu é uma parlenda, brincadeira com as palavras que as pessoas fazem para passar o tempo e para aprender. A idéia é rimar as palavras com ritmo.

O que você não viu na foto é um gato disfarçado na paisagem. É um caso típico de camuflagem, onde o animal consegue assumir semelhanças com o meio ambiente no qual está inserido, para caçar sem ser percebido ou se proteger de predadores ou caçadores.

E clique na imagem para enxergar melhor.

Deixe um comentário simpático neste artigo: