Estrelas riscam céu noturno com movimento de rotação da Terra

Céu estrelado

PAISAGEM SURREAL

Do blog ECOnsciência

Lincoln Harrison é um craque quando mira as lentes da sua Nikon D7000 para a abóbada celeste. Usando a técnica da longa exposição, que consiste em deixar o obturador da câmera aberto por 30 segundos ou mais, o fotógrafo capturou imagens surrealistas do movimento de rotação da Terra.

Para isso, Harry experimentou aumentar para 15 horas o tempo em que o sensor da máquina ficou aberto. O resultado foi uma série de paisagens com o céu noturno australiano totalmente riscado. Veja a impressionante galeria de imagens no endereço da fera: http://hakka.500px.com/startrails/#/0

* * *

Blog ECOnsciência Inovadora


Deixe um comentário simpático neste artigo: