Esgotada em horas a primeira edição do livro A Privataria Tucana

José Serra - estrela da Privataria Tucana

JOSÉ SERRA, UM PIRATA TUCANO

O Chefe de Redação

Luiz Fernando Emediato, da Geração Editorial, experimentou ontem, dia 9, a força dos blogs sujos — como José Serra se refere à grande maioria da blogosfera independente que não compactua com as suas práticas limpas. E, obviamente, a força da capa da revista CartaCapital, que também não reza na cartilha da ditadura do pensamento único da velha mídia.

O fato é que, na noite de sexta-feira, a editora já não tinha mais cópias do livro A Privataria Tucana, de Amaury Ribeiro Jr. Todos os 15 mil exemplares da primeira tiragem tinham sido despachados.

A editora foi pega completamente de surpresa pela força de divulgação dos internautas e, durante o dia, teve de improvisar para dar conta de atender aos pedidos das livrarias, que não paravam de chegar.

Houve muitos boatos, inclusive sobre a apreensão do livro. De suspeito, mesmo, só alguns compradores que levaram todo o estoque de duas livrarias (50 livros em cada).

A editora Geração se especializou em lançamentos guerrilheiros, como o do livro Honoráveis Bandidos, de Palmério Dória, que vendeu mais de 100 mil cópias sem qualquer divulgação na grande mídia.

Há, porém, uma diferença: o livro de Amaury, embora trate de um tema espinhoso — lavagem de dinheiro pelos tucanos — traz quase uma centena de páginas de documentos e pode ter desdobramentos políticos e até mesmo jurídicos de longo prazo.

– – –

Remix de informação de Luiz Carlos Azenha, no Vi o Mundo

3 comentários em “Esgotada em horas a primeira edição do livro A Privataria Tucana

  • 14 de dezembro de 2011 em 08:55
    Permalink

    O Governo tucano e neoliberal de FHC foi o governo “cavalaria de Átila”, ou seja, por onde passava nem a grama nascia. Nunca houve tanta insensatez e ganância no que tange a vender o patrimônio público e à falta de respeito e de consideração com o povo trabalhador brasileiro. A privatização do PSDB e do DEM foi a maior da América Latina. E eles estão soltos…

    Sugestão de leitura do texto completo de Davis Sena Filho:
    http://jblog.jb.com.br/palavralivre/2011/12/13/a-privataria-tucana-%e2%80%94-o-resto-e-o-silencio-ensurdecedor/

    Resposta
  • 12 de dezembro de 2011 em 22:24
    Permalink

    Mais informação do Azenha, que tá na cola dos acontecimentos:

    A Privataria Tucana, do jornalista Amaury Ribeiro Jr., está bombando, mesmo. A primeira edição, de 15 mil cópias, já havia se esgotado na própria sexta-feira, 9 de dezembro, dia do lançamento.

    “Só nesta segunda-feira, vendemos 15 ,5 mil exemplares”, conta, entusiasmadíssimo, Luiz Fernando Emediato, da Geração Editorial. “A rede Saraiva pediu 6.500 exemplares, a Fnac, 4.000 e a Cultura, 5.000. Em consequência, aumentamos de 15 mil para 30 mil cópias a tiragem da reimpressão.”

    A nova remessa começa a ser entregue às livrarias na próxima sexta-feira. Quem não tiver paciência para aguentar até lá, pode comprar o e-book na Saraiva Digital e na Gato Sabido.

    Segundo Emediato, andaram espalhando o boato de que o livro A Privataria Tucana foi proibido ou estaria sendo boicotado por alguma livraria. Nada a ver, isso não existe.

    Resposta
  • 11 de dezembro de 2011 em 01:35
    Permalink

    Informações do Leandro Fortes, da CartaCapital, no Facebook:

    – Em um único dia, foram vendidos 15 mil exemplares do livro;
    – Uma nova edição está sendo preparada, para a próxima sexta-feira;
    – A maior parte das grandes livrarias não acreditou no sucesso do livro. Agora, correm desesperadamente atrás do prejuízo, mas vão ter que esperar um pouco mais;
    – A Livraria Travessa, do Rio, por exemplo, não quis nenhum exemplar do livro. Ontem, pediu 650 exemplares, no desespero, por causa dos clientes. Conseguiu os 190 exemplares que restaram;
    – Começaram a chegar notícias sobre movimentação tucana para tentar embargar o livro (o que, a essa altura, só pode ser piada);
    – O poder da internet se mostrou inacreditavelmente mais forte do que o da chamada “grande imprensa” (é nóis!);
    – A Folha de S.Paulo quis fazer uma matéria sobre o livro, mas desde que só tratasse da disputa interna dentro do PT…
    – Uma versão digital já está pronta, e deverá entrar logo no ar, pelo site Gato Sabido.
    – Na segunda-feira, será a vez da Saraiva Virtual oferecer o mesmo produto.

    http://blogdodanieldantas.blogspot.com/2011/12/privatariatucana-surpresa-do-livro-do.html

    Resposta

Deixe um comentário interessante neste artigo: