É mais perigoso dirigir com sede ou após beber quatro cervejas?

RISCO NÃO RECONHECIDO PARA MOTORISTAS

Hidratação para motoristas

Responda rápido: o que é mais arriscado, dirigir após beber até quatro cervejas ou pegar no volante com sede? Acertou quem respondeu: em matéria de perigo, as duas alternativas são equivalentes.

Sim, o motorista que tenha tomado 1/4 de copo d’água numa hora pode cometer o mesmo número de barbeiragens que um condutor que apresente uma concentração de 0.8 mg/l de álcool no sangue.

A descoberta de que a perda de reflexos causada pela desidratação é um risco “não reconhecido” para os motoristas foi feita por pesquisadores da Universidade de Loughborough, na Inglaterra.

Pior: segundo os estudiosos, a água em quantidade insuficiente no organismo pode reduzir a atividade cerebral, bem como provocar a queda na concentração, atenção e memória de curto prazo.

Motorista hidratada para dirigir

Os testes foram realizados com um simulador de condução. Resumidamente, foi assim: num dia, o motorista bebia 200 ml de água a cada hora; no outro, o consumo baixava para 25 ml horários.

Durante o ensaio de hidratação normal, houve 47 erros de condução em situações diversas de trânsito. Só que esse número subia para 101 falhas quando os condutores estavam desidratados.

Concluiu-se também que dirigir num carro quente durante o verão pode levar a um aumento da desidratação durante uma longa viagem, especialmente entre quem estica os trechos sem paradas.

Clique nos links sublinhados para saber mais.

Deixe um comentário interessante neste artigo: