Comércio eletrônico vai crescer quase 30% só neste Natal

Vendas de Natal Online

O PIBÃO DO PAPAI NOEL BRASILEIRO

O Chefe de Redação

Que pibinho nada! O comércio eletrônico brasileiro no Natal deste ano vai apresentar um crescimento capaz de deixar qualquer chinês morrendo de inveja: 29% a mais de vendas em relação a 2011 — ou seja, um pibão!

Segundo dados da ABComm – Associação Brasileira de Comércio Eletrônico, as lojas virtuais vão movimentar nada menos que R$ 3,76 bilhões somente no período de negócios sazonais de fim de ano.

A expectativa ainda é que sejam realizados 11 milhões de pedidos, com destaques para as vendas de tablets e smartphones.

Definitivamente, não será o Natal das lembrancinhas, conforme a forçação de barra da velha mídia.

Os eletroeletrônicos dominam as categorias de produtos mais vendidos no varejo online, seguidos por: saúde, beleza e medicamentos; moda e acessórios; e livros, assinaturas de revistas e jornais.

“Esperamos um Natal muito positivo para o comércio eletrônico. As lojas virtuais brasileiras vêm se desenvolvendo muito e estão cada vez mais sabendo prestar um bom serviço para o cliente, tanto em preço como em entrega”, afirma Maurício Salvador, presidente da ABComm.

Com TecMundo


Deixe um comentário simpático neste artigo: